ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

4/20/2015

Show de Roberto Carlos causa tumulto em trânsito da zona oeste

Roberto Carlos no Allianz Parque

DE SÃO PAULO

O show de Roberto Carlos na noite do último sábado (18), na zona oeste de São Paulo, teve bem mais que bolo, champanhe, chuva de rosas, fogos e juras de amor. A celebração dos 74 anos do Rei causou um grande tumulto no trânsito da região, entre às 19h de sábado e 1h de domingo (19).
O espetáculo estava marcado para às 21h, no Estádio Allianz Parque (r. Turiaçu, 1.840). Duas horas antes, por conta do intenso tráfego na rua, diversas pessoas ficaram presas por horas no estacionamento do Bourbon Shopping.

Patrícia de Morais, que trabalha na área de gerenciamento de projetos, conta que ela e o sobrinho de 5 anos entraram no carro às 19h10, mas só conseguiram deixar o estacionamento às 22h15.
"Eu embiquei o carro para a fila da saída, mas ninguém conseguia se mover. Era impossível sair do shopping. O trânsito na rua Turiaçu estava muito carregado. O clima ficou muito carregado, as pessoas ficaram nervosas. Muita gente começou a gritar."

Patrícia calcula que mais de cem pessoas estavam enclausuradas no estacionamento. Muitas passaram mal e tiveram que ser encaminhados para a enfermaria do shopping.

"Eu e várias pessoas tentamos buscar ajuda, mas ninguém sabia informar nada. O shopping mandava ligar para a CET. O funcionário do CET que me atendeu foi muito irônico, disse que o problema era do shopping."
A Polícia Militar também foi acionada. Segundo Patrícia, a PM interditou o estacionamento, impedindo que novos veículos entrassem, até a situação se normalizar.

Procurada pela Folha, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) informou que grandes eventos como o show de Roberto (com público estimado em 50 mil pessoas) sempre recebem um esquema de monitoração especial.
Segundo a companhia, 48 funcionários trabalharam nas imediações do Estádio Allianz Parque das 7h de sábado à 1h de domingo.

A CET disse que parte da rua Turiaçu, entre a praça Marrey Junior e a rua Caraíbas, foi interditada na tarde de sábado para garantir o acesso de moradores ao estacionamento do shopping e aos demais estabelecimentos no entorno. Informou ainda que irá produzir um relatório para averiguar os problemas que ocorreram na região.
"Nós tentamos sempre garantir o fluxo, mas às vezes não é possível", afirmou a CET.

A assessoria de imprensa do Bourbon Shopping disse que nunca havia ocorrido um problema de trânsito desta proporção no local. O shopping estima que 45 mil pessoas passaram pela região (além do show de Roberto, havia um evento no teatro do shopping).

"A rua Turiaçu estava parada, não havia mesmo como sair do estacionamento. Tentamos prestar todo tipo de ajuda, mas não podemos controlar o trânsito. Vamos estudar esse caso para tentar oferecer um serviço melhor da próxima vez em que problemas assim ocorrerem."

A assessoria de imprensa de Roberto Carlos, por sua vez, diz que realizou reuniões com a PM e a CET para estudar a infraestrutura do show.
"Não houve erro de cálculo. Já sabíamos que 50 mil pessoas iriam ao show. Toda a estrutura envolvida tentou oferecer o melhor serviço possível, mas não há muito o que fazer. Imprevistos acontecem, você não pode controlar a hora em que as pessoas chegam ou saem do estádio. Sempre haverá congestionamento em eventos desse porte." 

Foto: Gabriel Cabral/Folhapress

Sem comentários:

Publicar um comentário

ESTIMADO LEITOR: esteja à vontade para partilhar e comentar este post em qualquer rede social, mas não esqueça de comentar aqui no próprio post. O autor agradece,

Topo