ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

20 de março de 2018

Novos episódios da série Dança Contemporânea são exibidos no SescTV

Dança Cont-Quatorze Cenas Para um Desencontro Possível-foto Alex Ribeiro-Visor Mágico

Os programas apresentam as principais companhias e conceitos de dança contemporânea a partir do dia 30 de março 


O SescTV estreia, a partir do dia 30 de março, toda sexta-feira, às 21h, um episódio inédito, totalizando 13, da série Dança Contemporânea, exibida pelo canal desde maio de 2009, com direção geral de Antonio Carlos Rebesco. Com duração de 52 minutos cada, as novas produções, que têm curadoria de Nirvana Marinho, doutora e teórica de dança, e Cláudia Garcia, coordenadora de programação do Sesc São Paulo, seguem o mesmo propósito das anteriores: estimular a reflexão sobre os rumos estéticos e conceituais da dança contemporânea na televisão. Além disso, revelam as técnicas aplicadas na elaboração de um espetáculo de dança. (Assistida também pela internet em sesctv.org.br/aovivo).

“É muito bom dar continuidade ao acervo que já conta com quase 250 horas”, diz Antônio Carlos sobre a série que apresenta as principais companhias de dança do País. “Essa temporada procura olhar para toda a diversidade de produção cênica de dança contida na cidade (São Paulo) e fora dela”, fala Nirvana. Dentre os grupos estão: Balé da Cidade de São Paulo; Ballet Stagium; Companhia de Danças de Diadema; Grupo Cena 11 Cia. de Dança; Luís Ferron e Luís Arrieta; Márcia Milhazes Cia. de Dança; Grupo de Dança Célia Gouvea; e Angel Vianna. Também estão contemplados nos programas Making of de espetáculos e entrevistas com profissionais da área (Assista também pela internet em sesctv.org.br/aovivo).

O primeiro episódio a ser exibido é sobre Quatorze Cenas para um Desencontro Possível, que estreia no canal, no dia 30/3, sexta, às 21h. Concebido e dirigido por Luiz Fernando Bongiovanni – que possui carreira no Brasil e na Europa –, é encenado pelo Núcleo de Pesquisas Mercearia de Ideias, criado em 2009 por Luiz Fernando, quando ainda era bailarino do Balé da Cidade de São Paulo. “Este encontro tão breve, tão abrupto, teria toda a chance de fazer com que a gente não se encontrasse, que a gente se desencontrasse”, comenta o coreógrafo sobre o espetáculo. “Mas, de alguma forma, acho que a gente se encontra”, completa.

Gravado no Teatro Sérgio Cardoso, na capital paulista, em outubro de 2016, Quatorze Cenas para um Desencontro Possível mostra 14 bailarinos - de diversas raças, gêneros, orientações sexuais e diferentes regiões da cidade -, interpretando 14 cenas construídas com dança e depoimentos, abordando situações e momentos, como estar todos juntos ou estar sozinho, e despedida.  Luiz Fernando fala sobre a importância de trabalhar a questão do depoimento com o grupo; e sobre a metodologia que desenvolve no Mercearia, e até mesmo quando é coreógrafo convidado, que tem o objetivo de estimular a dança no outro e ao mesmo tempo inserir a personalidade do bailarino na obra.

Os próximos episódios a serem exibidos na série Dança Contemporânea trazem coreografias como: Quebrakovsky – The Nuts Talent Show, Partes 1 e 2, de Alex Soares, encenada pelo Balé da Cidade de São Paulo; Eu Por Detrás de Mim, de Ana Bottosso, com a Companhia de Danças de Diadema; Os Corvos, com coreografia, direção e interpretação de Luís Ferron e Luís Arrieta; Guarde-me, dirigida e coreografada por Márcia Milhazes, com Márcia Milhazes Companhia de Dança; Memória e Preludiando, duas coreografias encenadas pelo Ballet Stagium: e  Obrigado por Vir, com concepção e direção de Key Sawao e Ricardo Iazetta,  com a   Key Zetta & Cia.

Sobre o SescTV:

O SescTV é um canal de difusão cultural do Sesc em São Paulo, distribuído gratuitamente, que tem como missão ampliar a ação do Sesc para todo o Brasil. Sua grade de programação é permeada por espetáculos, documentários, filmes e entrevistas. As atrações apresentam shows gravados ao vivo com grandes nomes da música e da dança. Documentários sobre artes visuais, teatro e sociedade abordam nomes, fatos e ideias da cultura brasileira. Ciclos temáticos de filmes e programas de entrevistas sobre literatura, cinema e outras artes também estão presentes na programação.

SERVIÇO:
Estreia de novos episódios


Dança Contemporânea


Quatorze Cenas para um Desencontro - Cia. Núcleo de Pesquisas Mercadoria de Ideias
Estreia: 30/3, sexta, às 21h
Reapresentações: 31/3, sábado, às 2h e às 8h;1/4, domingo, às 23; 2/4, segunda, às 15h; 4/4, quarta, às 9h; 5/4, quinta, às 11h.
Classificação Indicativa: Livre
Direção para TV: Antonio Carlos Rebesco
Episódios: 13
Duração: 52 minutos
Produção: Pipoca Cine Vídeo
Realização: SescTV

Em abril:
Quebrakovsky – The Nuts Talent Show Partes 1 e 2 - Balé da Cidade de São Paulo
Coreografia de Alex Soares é uma releitura do famoso balé O Quebra Nozes, de Tchaikovsky. A montagem é da companhia Balé da Cidade de São Paulo com participação Orquestra Sinfônica Municipal. Gravado no Theatro Municipal de São Paulo, em novembro de 2016.
Dia 6/4, sexta, às 21h
Classificação indicativa: Livre

Protocolo Elefante – Grupo Cena 11 Cia. de Dança
O espetáculo, dirigido e criado por Alejandro Ahmed e encenado pelo grupo da cidade de Florianópolis – SC, estuda o deslocamento como forma de autoconhecimento. A performance se inspira no fato do elefante se afastar do bando quando sente que a sua morte está próxima.
Dia 13/4, sexta, às 21h
Classificação indicativa: 14 anos

Trança - Cia Thiago Granato
Segundo solo de uma trilogia criada por Thiago Granato, posterior ao “Treasured in the dark”, a coreografia pesquisa questões mais conceituais sobre o corpo e a dança, como história, herança, autoria e tradução, revelando como a dança contemporânea tem lidado com contaminações, gerações e movimentos que a define. Ganhador do Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2014, Trança cria um diálogo e experimenta a dança de coreógrafos de diferentes gerações. Gravado no Sesc Pompeia, na capital paulista, em novembro de 2016.
Dia 20/4, sexta-feira, às 21h
Classificação indicativa: Livre

Eu Por Detrás de Mim - Companhia de Danças de Diadema
A coreografia de Ana Bottosso celebra a maturidade da coreógrafa com referências de criação de forte impacto: as obras do artista dinamarquês Olafur Eliasson, da sua exposição Seu Corpo da Obra” exibida na Pinacoteca de São Paulo, em 2012, e o conto O espelho, de Guimarães Rosa.
Gravado no Sesc Santo Amaro, em janeiro de 2017.
Dia 27/4, sexta-feira, às 21h
Classificação indicativa: Livre

Outros episódios:

Solo para uma Dança e um Violão & 6 Instantes de Solidão
No mesmo episódio serão exibidas dois espetáculos: Solo para uma Dança e um Violão, na qual os movimentos da coreografa Dudude Hermann conversa com a música criada e tocada pelo violonista Renato Motha; e  6 Instantes de Solidão,  que mostra coreografia de Rodrigo Pederneiras (do Grupo Corpo), com interpretação da bailarina Jacquilene Gimenes e participação de Adriana Holtz no violoncelo. As atrações integraram o projeto Notas Dançadas, realizado no Sesc Consolação, em São Paulo, em fevereiro de 2017, que reuniu espetáculos que criam diálogos entre a dança e a música.
        
Obrigado por Vir - Key Zetta & Cia
Com concepção e direção de Key Sawao e Ricardo Iazetta, a coreografia é um agradecimento e também um questionamento sobre qual tipo de gratidão seria mais justa na atualidade. A obra foi criada pela primeira vez em 2005 e remontada em 2012. Encenado por 12 bailarinos e os dois coreógrafos, o espetáculo foi gravado na Galeria Olido, na capital paulista, em 2017.

Amanhã É outro Dia – Angel Vianna
Com seus 88 anos de vida, a coreógrafa, bailarina e pesquisadora mineira Angel interpreta dança autoral, que confronta as cinco décadas que ela está morando no Rio de Janeiro, com a história da cidade e da dança no país. O espetáculo foi gravado em 2017, no Sesc Consolação, na capital de São Paulo, com direção e dramaturgia de Norberto Presta.

Os Corvos – Luís Ferron e Luís Arrieta
Com coreografia, direção e interpretação de Luís Ferron e Luís Arrieta, o espetáculo se refere aos animais da morte e também ao ciclo da vida. Trata-se de uma celebração dos caminhos traçados, das lembranças e origens de cada um. A dança foi gravada no Sesc Pompeia, na capital paulista, em 2017.

Guarde-me – Márcia Milhazes Companhia de Dança
Dirigido e coreografado por Márcia Milhazes, o espetáculo integra uma trilogia inspirada em cartas de amor, de amigos, anônimas ou não, com interpretação dos bailarinos Ana Amélia Vianna e Domênico Salvatore. A atração foi gravada no Sesc Bom Retiro, na capital de São Paulo, em 2017.

Memória e Preludiando - Ballet Stagium
Neste episódio o Ballet Stagium encena duas coreografias de Márika Gidali e Décio Otero, em comemoração aos 46 anos do grupo.  Memória resgata algumas propostas da companhia desde sua fundação em 1971, como Jerusalém, de 1974, Kuarup ou a Questão do Índio, de 1977, e Adoniran, de 2010; e  Preludiando é uma tomada de posição quando a sobrevivência da dança do grupo é ameaçada, destacando a forma como os bailarinos lutam pela sobrevivência sem excluir o seus valores. Gravado no Teatro Sérgio Cardoso, na cidade de São Paulo, em 2016.
        
Kodak – Neto Machado
Espetáculo solo com coreografia e interpretação de Neto Machado, que, a partir de memórias de sua infância e adolescência, recria o universo de ninjas, mangás e monstros aliando frames e dança. A atração foi gravada no Sesc Pompeia, na capital paulista, em 2017.

Alavancas e Dobradiças – Grupo de Dança Célia Gouveia
Dirigida e interpretada por Célia Gouvea, a coreografia traz relatos pessoais cênicos da coreógrafa, que se apoia em suas memórias, experiências na dança e contato com pessoas que se tornaram importantes em sua vida, para revelar a sua história e, ao mesmo tempo, lançar reflexões sobre a dança. O espetáculo foi criado em 2014 e gravado no Sesc Santo Amaro em outubro de 2017.

Para sintonizar o SescTV:
Canal 128, da Oi TV
Ou consulte sua operadora
Assista também online em sesctv.org.br/ao vivo
Siga o SescTV no twitter: http://twitter.com/sesctv
E no facebook: https: facebook.com/sesctv


DANÇA CONTEMPORÂNEA - Genérica 1_2018
 
 
DANÇA CONTEMPORÂNEA - QUATORZE CENAS PARA UM DESENCONTRO POSSÍVEL
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES
clique na imagem para ver os perfis