ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

10/10/2015

Fãs de Roberto Carlos entrevistados pelo Portal Splish Splash – MARIA DE OLIVEIRA



A pensar nos milhares de fãs de Roberto Carlos, espalhados pelo Mundo, o Portal Splish Splash achou por bem auscultar a alma robertocarlistica que por eles perpassa, dando início a uma série de entrevistas que, cremos, poderá de algum modo contribuir para uma melhor compreensão do motivo que leva tantos a admirar a obra de um cantor/compositor Brasileiro que ao comemorar 55 anos de carreira, não só consegue manter a fidelidade dos seus fãs que o acompanham desde o início da sua trilha poética e musical, como ainda, atrair muitos jovens que não conseguiram ficar indiferentes à obra daquele que, como disse o poeta, se mais mundo houvera lá chegara.

A selecão da série de entrevistas não obedece a nenhum critério relativamente a este ou àquele fã, foram obtidas por quem as irá publicar, ou seja, Armindo Guimarães, Carmen Augusta e Derbson Frota, de acordo com os contatos que possuem. Também a publicação, que acontecerá às terças-feiras e sábados, é aleatória, ou seja, não tem qualquer ordem em relação aos fãs. Todos eles admiram o rei Roberto Carlos e por isso todos nos merecem a mesma estima e a mesma consideração, independentemente de, muito naturalmente, podermos conhecermos melhor este ou aquele fã.

A entrevistada de hoje é a fã Maria de Oliveira, Taboão da Serra, Fortaleza/CE

PORTAL SPLISH SPLASH - Como começou a gostar do NMQT Roberto Carlos?

MARIA DE OLIVEIRA - Comecei a gostar do Rei quando criança ainda estava no primário (risos). Foi amor à primeira vista, eu tinha 9 anos de idade (risos).

PSS - Você se considera uma grande fã? Por quê?

MO - Eu me considero uma grande fã sim, por que estou sempre atenta com tudo o que acontece com o Rei (risos). Se ele sofre, sofro junto com ele (risos).

PSS - Se estivesse numa ilha deserta com o(a) amado(a), qual música do rei colocaria pra tocar?

MO - Se eu estivesse numa ilha com o meu amado a música seria, sem dúvida, “Como é grande o meu amor por você” (risos).

PSS - Roberto Carlos faz parte de sua vida? Como?

MO - Roberto faz parte de minha vida 24 horas por dia através de suas músicas (risos), apresentações (risos) e através do ar que respiro (risos).

PSS - Cite uma história engraçada e/ou emocionante que já viveu relacionada ao rei Roberto:

MO - Uma história engraçada (risos) foi quando eu ainda adolescente tinha acabado de engessar a perna direita devido a uma negligência médica que sofri. Estava no ponto de ônibus quando vi de longe uma revista com o Rei na capa, sai correndo com um pé só, tropecei e caí. O gesso ficou todo ensanguentado, minha mãe ficou brava comigo e não comprou a revista (risos).

PSS - Coleciona algo do rei? Se sim, cite exemplo(s):

MO - Hoje não faço mais a coleção como antes mas me mantenho informada com tudo o que acontece com o Rei. Mas tenho dois quadros pintados à mão, um banner de quando fui conhecê-lo, anéis, pulseira, gargantilhas, quadros, revistas, CDs e DVDs.

PSS – Não se esqueceu de nada?

MO - Ah! Também tenho camisetas, toalha de banho, de mão, canecas e camisas, além das roupas em azul e branco (risos).

PSS – (risos).

MO – (risos).

PSS - Uma música que você sempre põe no “repeat”:

MO - Uma música na base do repeat: Eu sou terrível (risos).

PSS - Muitas são as músicas do repertório do rei e muitas são aquelas que ele há muito não canta. Que música gostaria que ele voltasse a cantar?

MO - Uma música que eu tenho saudade: “Comandante do seu coração”. Amo!!!

PSS - Se Roberto Carlos fosse almoçar em sua casa, o que prepararias?

MO - Eu faria para o Rei: A comida mais simples do mundo (risos). Um prato recheado de amor!

PSS - Se fosse escolher para ouvir 10 músicas do rei, em ordem de preferência, quais seriam?

MO – O tempo vai apagar, Os sete cabeludos, Quando, As canções que você fez pra mim, Todas as Nossas Senhoras, Todos estão surdos, Amada Amante, Como é grande o meu amor por você, Jesus Salvador, Emoções.

PSS - Se tivesse a oportunidade de falar ao vivo com o rei, o que diria?

MO - Se me encontrasse novamente com o Rei diria a ele: Que sempre foi muito importante em minha vida desde criança.

PSS - As músicas do rei não seriam a mesma coisa sem as respetivas letras. Independentemente da música, diga os títulos de três letras que mais o impressionam e porquê.

MO – “As baleias”, por que é uma realidade; “Amor Perfeito”, porque ele soube e sabe amar perfeitamente e na medida certa; “Emoções”, porque retrata tudo o que é de bom.

PSS - O rei possui em torno dele uma vasta equipe, desde os elementos que compõem a orquestra (RC9), aos elementos da administração, assessoria de imprensa e apoio logístico. Com certeza você simpatiza por alguns desses elementos por os conhecer ou já ouvir falar. Cite quais e por quê.

MO - Eu tive uma grande decepção no dia do show de aniversário do Rei. A mamãe estava com 96 anos e nós a presenteamos com o show do Rei. Chegamos lá cedo, só que não conseguimos cadeira de rodas por mais que eu procurasse alguém da equipe do Rei. Quando entramos no Ginásio foi com meia hora de atraso e portanto não fomos ao camarim do Rei. A mamãe passou mal e foi socorrida pelos bombeiros, e nós fomos como convidadas. A pessoa que eu mais gosto é a secretária do Rei Suzana Lamounier. Ela é simplesmente humana.

PSS - O que mais gosta na personalidade do rei?

MO - O que eu mais gosto do Rei é a sua forma de amar. Ele se dá por inteiro. Eu amo amar o Rei!

PSS - O que gostaria que o rei mudasse nos seus usos e costumes?

MO - Mudar algo no Rei? (risos). Eu não mudaria nada. Gosto do jeito que ele é: simples, amável, carismático e com muito amor para dar (risos).

PSS - Se tivesse que escolher uma frase robertocarlistica do repertório do rei que mais se identificasse com você, que frase escolhia?

MO - Mas eu estou aqui, vivendo esse momento lindo… (Emoções).

PSS - Responda à pergunta que não fizemos e que gostaria que lhe tivéssemos feito.

MO - Se me tivessem perguntado algo sobre a Jovem Guarda, eu responderia que gostaria que o Rei desse mais atenção à turma da Jovem Guarda, aquela turma querida que começou junto com ele mas não teve a mesma sorte.

 
Entrevista conduzida por:
Armindo Guimarães
Facebook
https://www.facebook.com/armindo.guimaraes
Armindo Guimarães

Sobre o autor

Armindo Guimarães - Doutorado em Robertologia Aplicada e Ciências Afins e Escriva das coisas da Vida e da Alma. Administrador, Editor e Redator do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre o autor...

3 comentários:

  1. Parabéns Maria de Oliveira gostei de Sua entrevista Bom Emsemtiva outros a Demostra Seu carinho Por Amado Roberto Carlos Bjs Querida Eu Maria Aparecida Arf!!!!

    ResponderEliminar
  2. Oi Maria de Oliveira, adorei, sua entrevista foi bem original, nem muito melada nem muito séria. Gostei muito daquela parte da revista que você de pé engessado saio correndo e o pior de tudo, ainda ficou sem a revista e ainda a sua Mãe brigou com você.
    Tirando esse pequeno acidente o resto foi engraçado.

    Um Grande Beijo dessa sua Amiga que mesmo sem te conhecer pessoalmente te gosta Muito ♥

    Tica Eloy

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tica Eloy adoro você mesmo sem te conhecer você mora no meu Coração bjus !!!

      Eliminar

MÚSICA LUSÓFONA

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil