ROBERTOLOGIA EM DESTAQUE

1/08/2011

Carlos Alberto Alves - O regresso do Terceirense




Por: Armindo Guimarães
Doutorado em Robertologia Aplicada e Ciências Afins
Facebook
https://www.facebook.com/armindo.guimaraes

O nosso amigo e colaborador Carlos Alberto Alves, jornalista açoriano que exerceu a profissão durante muitos anos na imprensa desportiva, um dia decidiu passar umas férias em Terras de Vera Cruz e pelos vistos gostou tanto que nunca mais regressou à terrinha. Nunca mais, é uma maneira de dizer, pois ao fim de sete anos o Carlos Alberto foi de malas aviadas até à sua Terceira, nos Açores.
Antes de ir, deixou no Portal Splish Splash o artigo “Muitas paixões de sentimento por Roberto Carlos”, no qual aproveitou para se despedir nos seguintes termos: “No dia 6 do mês em curso, parto para Portugal (ilha Terceira-Açores) para visitar a minha família e um ror de amigos que por lá tenho. São dez anos sem ir à terra onde fui nado e criado. O meu regresso ao Brasil está marcado para 6 de Janeiro de 2011. Neste período, vou estar ausente da escrita, mas sem descurar a leitura do Splish Splash e do Portal Clube do Rei Roberto Carlos.”

Mas não se pense que nos cerca de trinta dias em que esteve ausente, o nosso amigo Carlos Alberto se esqueceu do “seu” Brasil e do Portal Splish Splash. Nada disso. Pese embora a vida agitada que teve em almoços, jantares, vinhos e petiscos, o que é certo é que aproveitava todas as oportunidades para falar de nós e de Roberto Carlos, conforme se poderá constatar no teor da mensagem que recentemente nos enviou e que aqui reproduzimos um extracto:

“Depois de uma viagem inolvidável, que transcendeu todas as minhas expectativas, regressei ontem, dia 7, ao Rio de Janeiro, recomeçando os meus escritos depois de amanhã, segunda-feira.
Estive na Antena 1 - Açores e na Rádio Televisão Portuguesa-Açores (programa Bom Dia Açores), tendo divulgado, para além da Confraria Cultural Brasil-Portugal, da qual faço parte, o Splish Splash. Aliás, passei o site a muitos amigos dos Açores. Não esperava, de facto, que após 10 anos de ausência, tivesse tantas e grandes manifestações de apreço por parte dos meus amigos e simpatizantes (entenda-se por leitores), com almoços e jantares desde a minha chegada até ao términus da viagem. As fotos (e comentários) que reproduzi no facebook falam por si, falam da forma em que ainda sou muito querido na ilha Terceira, inclusive na maioria das restantes ilhas açorianas, principalmente em São Miguel e Faial.
Também indaguei da popularidade do nosso KING nos Açores. Claro que todos desejariam a presença do Roberto Carlos para um show numa das ilhas mais populosas, mas sempre fui dizendo que, não sendo impossível, se torna muito difícil em função da onerosidade em que o mesmo envolve, uma vez que RC não dispensa a presença dos seus brilhantes músicos.
Carlos Alberto Alves”

Dedicamos ao Carlos Alberto um slide show e um vídeo que esperamos seja do seu agrado.

Carlos Alberto Alves no Facebook




2 comentários:

  1. Olà Mindo!muito simpàtaco esta postagem dedicado ao nosso amigo Carlos Alberto.Eu tambem diria que por todo lado havendo saude, o prato e o copinho cheio jà nos podemos considerar felizes nao é Mindo? mas eu tambem estou morto por escrever aquela frase a dizer:no dia tantos parto para POrtugal visitar a minha familia e um ror de amigos que por là tenho mas sobre ver o meu idolo R.C. e se nao fosse para ver o meu idolo eu até era capaz de me esquecer da familia e dos amigos.Isto é do baril.Abraços

    ResponderEliminar
  2. Ó Manel, não achas estranho o grande Bottary ainda não ter vindo aqui comentar este post perguntando o que é que diz o cançonetista açoriano.
    Ainda bem que o gajo desta vez optou por não nos perguntar nada senão estávamos tramados pois tinhamos que pedir ajuda ao nosso amigo Carlos Alberto Alves.

    eheheheh

    Ó Manel, é do baril, pá!

    Abração

    ResponderEliminar

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES

OS NOSSOS REDATORES PERMANENTES - Clique para ver o perfil