Adolescente entra para a Academia de Letras do Brasil com dois livros publicados e mais de 300 poesias escritas

Jovem campista de 17 anos realiza sonho e entra para a Academia de Letras do Brasil

Lucas Campista, de 17 anos, ocupa o cargo de presidente juvenil da seccional de Campos dos Goytacazes, no RJ.

 RJ Inter TV 2ª Edição

adolescente Lucas Campista, de 17 anos, tem muita história para contar. Apesar da pouca idade, o jovem de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, já publicou dois livros e escreveu mais de 300 poesias.

Nesta segunda-feira (23), Lucas deu mais um passo importante em sua caminhada no mundo da literatura. O adolescente tomou posse como membro da Academia de Letras do Brasil (ALB), ocupando o cargo de presidente juvenil da seccional de Campos da ALB.

A Academia de Letras do Brasil tem seccionais espalhadas pelo país com o objetivo de divulgar a cultura literária e ampliar o acesso à literatura nas cidades onde atua.

Lucas espera que outros jovens da cidade se envolvam mais com a poesia a partir do exemplo dele.

"A posse na Academia é motivo de muito orgulho para mim. Ser presidente juvenil vai ser muito importante para integrar os jovens. Sem dúvida é um divisor de águas. Estou muito feliz pelo convite, fazer parte da academia sempre foi um sonho", comemorou.

Segundo a poetisa e presidente da ALB Campos, Solange Figueiredo, a participação de Lucas é muito importante para a categoria.

"Nós temos que fazer com que esses jovens se identifiquem com a literatura, principalmente com a literatura de Campos", afirmou Solange.
 
 Lucas Campista já escreveu mais de 300 poesias (Foto: Reprodução/Inter TV)

O gosto pela poesia começou bem cedo para o adolescente, que participou do primeiro concurso de poesias aos 14 anos.

"Eu participei aos 14 anos, mas infelizmente não fui selecionado. Acho que a partir daí tive uma garra de sempre buscar mais, querer mais, e graças a Deus me levou onde eu cheguei, foi muito importante", explicou.

Aos 15 anos, Lucas publicou o primeiro livro, batizado de "Um Jovem Poeta no Mundo da Lua". Desta vez, o adolescente conquistou o primeiro lugar na categoria juvenil em um prêmio literário organizado pela Nasa.

"Acho que a poesia é uma maneira de ver o mundo inverso, aquela coisa de rimar, de contar histórias em estrtofes... Foi onde eu acho que me apaixonei", explicou.

O adolescente sempre estudou em escola pública, mas por ter se destacado na literatura ganhou uma bolsa de estudos em uma escola particular de Campos no ano passado.

Além de prosseguir com a carreira de escritor, Lucas também tem planos de seguir a profissão de jornalista. "Quero ser 50% poeta e 50% jornalista, se Deus quiser", brincou.

Carreira do jovem já conta com dois livros e a posse na ALB (Foto: Reprodução/Inter TV

In
adolescente-entra-para-a-academia-de-letras-do-brasil
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário