Costa, Marcelo e um 10 de junho no país do 4 de julho

Marcelo e Costa seguem dos Açores para Boston

Comemorações do Dia de Portugal nos Estados Unidos juntam primeiro-ministro e presidente da República. Marcelo regressa no dia 11. Chefe de governo fica uma semana, num costa-a-costa com ida e volta

Hugo Neutel (TSF)

Vai ser a celebração do 10 de junho mais americana de sempre: aproveitando o mês de Portugal nos Estados Unidos (iniciativa diplomática e económica que inclui mais de 130 ações em 12 estados e 60 cidades), o primeiro-ministro vai tentar dar visibilidade ao país num roteiro intenso que começa em Boston, na costa Leste, segue para a Califórnia, na Costa Oeste, e dá uma volta de 180 graus rumo a Nova Iorque antes de regressar a Portugal. E nos dois primeiros dias (10 e 11 de junho), Marcelo faz-lhe companhia.

Costa e Marcelo chegam a Boston (Estado de Massachusetts), vindos dos Açores, no final da tarde de domingo, e seguem diretamente para a primeira cerimónia: são recebidos na praça do município pelo embaixador português em Washington, ouvem os hinos dos dois países e após declarações curtas vão para Providence, a capital e cidade mais populosa do estado de Rhode Island, onde são recebidos pela governadora, e por líderes da comunidade portuguesa local.

No país do espetáculo, Costa e Marcelo participam depois na noite portuguesa do Waterfire, um evento anual de arte pública adotado como celebração cívica e de homenagem às personalidades que mais se destacaram na promoção da comunidade lusa nos EUA. Vão, juntamente com os homenageados, empunhar tochas numa romaria até um arraial luso.

Marcelo regressa a Portugal no dia 11, mas Costa permanece nos Estados Unidos até sábado.

A viagem do chefe de governo, de cariz fortemente económico, inclui participações em fóruns e eventos de promoção da economia portuguesa, visitas ao MIT, à sede da Google em Sillicon Valley, à Cisco, ou a uma fábrica da portuguesa Corticeira Amorim; mas também tem momentos políticos, como os encontros com Condoleeza Rice, antiga secretária de Estado norte-americana, e hoje membro destacada do think-tank Hoover Institution, e com o governador da Califórnia no Capitólio Estadual, e culturais, como a inauguração da Praça de Cascais, em Sausalito, na baía de São Francisco.

No final da semana Costa segue para Nova Iorque, onde multiplica participações em seminários económicos, e inaugura o painel eletrónico "Marca Portugal" na icónica Times Square. E na tarde de sexta-feira, já início da noite em Portugal, assiste à estreia da seleção nacional de futebol no Mundial 2018: assiste ao Portugal-Espanha no Sport Clube Português antes de ser recebido num jantar de gala da Câmara de Comércio Luso-americana no Harvard Club. O regresso a Portugal está previsto para a madrugada de domingo.

Mais de um milhão de luso-descendentes

Há 1,4 milhões portugueses e luso-descendentes registados nos Estados Unidos (os últimos números disponíveis são de 2016). Destes, 80% chegaram antes do ano 2000. A idade média está nos 40 anos, e 51% da comunidade está entre os 18 e os 54 anos. 27% tem mais de 54 anos e 22% têm menos de 18.

Os estados com mais luso-descendentes são a Califórnia (355 mil), Massachusetts (278 mil), Rhode Island (95 mil), Florida (80 mil), New Jersey (79 mil), Nova Iorque (51 mil), e Connecticut e Hawaii (ambos com 50 mil cada).

A comunidade lusa trabalha sobretudo no setor da educação, saúde e assistência social (22%). De seguida seguem-se várias áreas, cada uma delas com valores próximos de 10%: comércio e retalho, finanças, imobiliário, hotelaria e restauração, indústria e construção.

Os Estados Unidos são o maior comprador de exportações portuguesas fora da União Europeia, com valores que nos últimos anos têm rondado os 2.500 milhões de euros.

Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário