Festival "Contracultura 3" promove encontro feminino no Rio de Janeiro


No dia 27 de maio o Rio de Janeiro recebe a terceira edição do Contracultura, evento que está mudando a forma do carioca consumir e entender os modelos de arte e cultura nacionais. Desta vez, o evento aborda a temática feminina e promove uma reunião de mulheres que se destacam no meio artístico.

Desde Chiquinha Gonzaga, a presença feminina na música brasileira se tornou cada vez mais intensa. A arte, especialmente a música, funciona como fonte de representatividade e inspiração para todos na sociedade.

Artistas de diferentes partes do país se reúnem no Rio de Janeiro, colocando as mulheres em primeiro plano. O evento não exalta e nem idolatra as garotas: apenas entrega a elas o mérito que lhes é de direito desde sempre.

Entre as atrações musicais, o evento contará com participação de Deia Cassali (Rio de Janeiro, RJ), RADIOATIVA (Rio de Janeir, RJ), Lili Buarque (Maceió, AL), Mariana Soares (Campos dos Goytacazes, RJ), Lennon Fernandes (São Paulo, SP), Marina e os Dias (São Paulo, SP), Fernanda Aimê (São Paulo, SP) e Pata (Belo Horizonte, MG). O evento também contará com exposição de fotografias, apresentação de slam, stands de vendas e ações de incentivo à literatura.

INCENTIVO À CULTURA

Além do foco no empoderamento feminino, a terceira edição do Contracultura chama atenção para as bibliotecas públicas e comunitárias do Rio de Janeiro com uma campanha de doação de livros.

Em um momento de crise política, é preciso estabelecer definitivamente que o único caminho para uma democracia consolidada é através de um eleitorado bem informado. A biblioteca cumpre um papel fundamental na facilitação do acesso à informação de maneira democrática, e sem o crivo do mercado.

Existem 12 bibliotecas municipais na cidade do Rio de Janeiro, amparadas pelo município do Rio, além de diversas bibliotecas comunitárias.

Essas bibliotecas atuam junto a suas comunidades locais e estão espalhadas pela cidade, atingindo públicos de todas as classes sociais, incentivando e fornecendo um ambiente propício para leitura, atividades culturais, estudos, etc.

Possuem bons acervos, ambientes e profissionais, mas nenhuma delas recebe verba regular para a compra de livros para seus acervos, de modo que perdas só serão repostas com alguma dificuldade e lançamentos dificilmente estarão disponíveis de imediato.

No #Contracultura, você pode contribuir com o acervo destas bibliotecas. Doe um livro em bom estado e colabore, além de garantir um desconto no valor da entrada.

CONTRACULTURA 3: GRLPWR

No palco:
Deia Cassali
RADIOATIVA
Fernanda Aimê
Marina e os Dias
Lennon Fernandes
Lili Buarque
Mariana Soares
Pata

E mais:
Exposição de fotografias
Stands de vendas
Apresentação de slam

Ingressos à venda: 
https://www.sympla.com.br/contracultura-3---grlpwr__286970

PROMO LITERÁRIO (válido com doação de um livro)
Antecipado: R$ 5,00
Na hora: R$ 10,00

INGRESSOS COMUNS
Antecipado: R$ 15,00
Na hora (com nome na lista): R$ 20,00*
Na hora (sem nome na lista): R$ 25,00
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário