Estudantes brasileiros conquistam segundo lugar inédito em campeonato mundial de Engenharia Aeronáutica


Equipe AeroRio, da PUC-Rio, competiu pelo nível avançado no SAE AeroDesign East 2018

O Brasil conquistou o segundo lugar no campeonato de Engenharia Aeronáutica SAE AeroDesign East 2018, realizado na Flórida, nos Estados Unidos, na última semana. Foi a primeira vez que o país chegou tão longe no pódio do evento. O time responsável pela conquista é formado por estudantes da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) que integram a equipe AeroRio. A disputa foi entre alunos de engenharia de todo o mundo e se dividiu em três categorias: Micro, Regular e Avançado.

Os brasileiros competiram na última categoria, que desafia os participantes a acertarem cargas (humanitary package) no alvo a uma altura mínima de 30 metros. O evento tem como principal objetivo propiciar conhecimentos de Engenharia Aeronáutica, por meio de aplicações práticas e da competição entre equipes.

O segundo lugar geral é uma grande conquista, uma vez que a competição envolve universidades renomadas dos Estados Unidos e do Canadá. Além disso, o time também conseguiu outros excelentes resultados no campeonato: primeiro lugar em apresentação oral, segundo lugar em precisão de arremesso de cargas e terceiro lugar no relatório de projeto.

A equipe é comandada pela estudante Larissa Paiva, capitã do time, e pelo professor Eduardo Costa da Silva, responsável pelo projeto na universidade.
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplicada e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Comentários

2 comentários :

  1. Esqueceram de colocar que a unesp de guaratinguetá , são paulo, também foi vice campeã nos estados unidos na categoria regular, alem de ter ganho primeiro lugar em apresentação oral,

    ResponderEliminar
  2. Cara Solange, não nos esquecemos. Acontece que são centenas de press release que nos chegam diariamente e num site sem fins lucrativos com apenas 6 redatores, é impossível publicarmos tudo como gostaríamos. Entretanto, já publicamos a notícia a que se refere. Obrigado pela sua participação.

    ResponderEliminar