A voz, o carisma e toda a emoção de Roberto Carlos

Última passagem de Roberto por Curitiba foi em 2014 (foto: Caio Girardi/divulgação)

Hoje e amanhã, o ídolo da canção latino-americana faz duas apresentações na capital paranaense na Ópera de Arame

Duas noites de grandes emoções. Roberto Carlos vai presentear os fãs em Curitiba hoje e amanhãcom dois shows inéditos no palco da Ópera de Arame (R: João Gava, 874). Com realização da DC Set Promoções e Seven Entretenimento e patrocínio da Uninter e Copel Telecom, as apresentações terão início às 21h30 e marcam também o lançamento do novo sistema de climatização do local. A última passagem do artista pela cidade foi em março de 2014 durante a reabertura da Pedreira Paulo Leminski. Além da capital paranaense o artista passa também por Ponta Grossa (15.12, Centro de Eventos) e Joinville (14.12, Arena Cau Hansen).

Artista que dispensa apresentações, o ídolo da canção latino-americana está de volta ao país, após temporada de grande sucesso realizada em Portugal, com as casas de espetáculo lotadas em todas as apresentações. Foram cinco shows nas cidades de Lisboa e Porto em comemoração ao seu aniversário e o cantor conquistou os Portugueses com o seu sucesso mais recente, “Sereia”, tema da novela “A Força do Querer”, de Glória Perez. É um exemplo do sucesso mundial da música popular brasileira.

O cantor, que em novembro de 2015 foi homenageado pelo Grammy Latino como personalidade do ano e lançou o CD Primeira Fila, gravado em Londres, no Estúdio Abbey Road, desperta todo o carinho e admiração nos milhões de fãs que o acompanham pelo Brasil e pelo mundo. Um ícone da credibilidade, romantismo, da religiosidade e da família. Roberto Carlos promete mais uma vez arrebatar os fãs com mais um show impecável ao lado de sua orquestra e coral. Além de “Sereia”, devem fazer parte do repertório as músicas do recém-lançado EP que leva o nome do cantor, entre elas, “Chegaste”, canção que conta com a participação da estrela norte-americana Jennifer Lopez e “Vou chegar mais cedo em casa”, uma parceria com Erasmo.

Roberto Carlos nasceu em Cachoeiro do Itapemirim, uma cidade no Estado do Espírito Santo e começou a cantar na rádio aos nove anos. Na juventude sua família mudou-se para o Rio de Janeiro, onde ele formou com amigos de escola o conjunto vocal The Sputnicks, depois em um outro grupo, The Snakes, já com a presença de Erasmo Carlos, seu parceiro na maioria de sua obra. Roberto Carlos passou a se apresentar em clubes e festas tanto sozinho como no grupo, e aos poucos estava na televisão no programa “Clube do Rock”, sendo anunciado ao público como o “Elvis brasileiro” ao cantar “Jailhouse rock”. Roberto também cantava na boate do Hotel Plaza seguindo a linha bossa-nova de João Gilberto enquanto percorria o caminho de artista iniciante atrás de gravadora.

Sua primeira gravação foi em 1959 pela Polydor, em 1960 gravou um novo disco de 78 RPM, e com o primeiro LP a música “Louco Por Você” estourou rapidamente. Com aparições frequentes em programas da TV, começava ali um caminho de sucesso sendo reconhecido em todo o país. Em 1963 com o lançamento do disco Splish Splash, se transforma num dos mais populares artistas jovens da época. O ano seguinte é marcado pelo lançamento de É Proibido Fumar, cheio de canções que se tornariam clássicos da música brasileira, como “O Calhambeque”.

Com a explosão mundial dos Beatles, o rock estava chegando ao Brasil, manifestando-se através de um movimento que o colocaria pela primeira vez no trono de Rei: a Jovem Guarda, recordista de audiência entre os jovens e um dos maiores sucessos da TV brasileira até hoje. Em novembro de 1965 veio o LP Jovem Guarda, revolucionando a linguagem musical da época através de canções como “Quero que vá tudo pro inferno”, cuja letra era ousada para época.

Com suas músicas regravadas por artistas como Júlio Iglesias e Ray Conniff, Roberto finalmente grava um LP totalmente em inglês. Como resultado: a CBS lhe confere o Globo de Cristal, prêmio que distingue oferecido aos artistas que atingem a marca de 5 milhões de discos vendidos fora de seu país de origem. Seus LPs foram lançados em espanhol, italiano, inglês e francês. Em Portugal e Espanha, “Cama e Mesa” chegou aos primeiros lugares das paradas.

Esta superprodução exigiu logística para levar 90 toneladas de equipamentos em 4 carretas de 20 metros de comprimento. 10 toneladas de backline foram transportadas via aérea do Brasil, incluindo equipamentos particulares do RC e de seus músicos.14.743 km foram percorridos até o último show da turnê, sendo 4.343 km somente no interior do México.

SERVIÇO:
Roberto Carlos
Quando: Hoje e amanhã, às 21h30
Onde: Ópera de Arame (R: João Gava, 874)
Ingressos: variam de R$400,00 (meia-entrada) a R$1.200,00 (inteira), de acordo com o setor.
Ponto de Venda sem Taxa de Conveniência: Bilheteria Oficial ( Shopping Pátio Batel – Batel - Loja 339, piso L3).

In
https://www.bemparana.com.br/noticia
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário