RODOVIÁRIO - Roberto, esta é para você!



Armindo Guimarães
Doutorado em Robertologia Aplicada e Ciências Afins

Depois do Caminhoneiro e do Taxista, só falta mesmo o Rodoviário, com letra do nosso amigo Adilson Ferreira, Rio de Janeiro.

RODOVIÁRIO

Eu acordo bem cedinho
Visto a roupa de leão
Vou direto prá garagem
prá cumprir minha missão

O cobrador pede ao despachante a guia
Somos dois rodoviários começando um novo dia
Deixo a garagem dou inicio a jornada
peço a Deus que me proteja
sigo em frente pela estrada

Tem na cortina São Cristóvão estampado
Está sempre ao meu lado
em qualquer situação
Rodo tranqüilo confiante pela pista
com meu santo protetor 
e de todo motorista

Tem passageiro que reclama sem razão
se eu corro ele reclama
se não corro sou deitão
Os caloteiros sobem e descem sem parar
quando descem pedem o troco
da passagem sem pagar

E de repente preso no engarrafamento
me encosto no assento
e começo a pensar
Penso em meus filhos
na mulher em nosso lar
eles que me dão alento
para tudo suportar

Graças a Deus
Já cumpri o meu horário
Como é triste essa rotina
Vida de rodoviário


ADILSON FERREIRA
Armindo Guimarães

Sobre o autor

Armindo Guimarães - Doutorado em Robertologia Aplicada e Ciências Afins e Escriva das coisas da Vida e da Alma. Administrador, Editor e Redator do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre o autor...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário