Festival BacaFest reúne o melhor do cenário independente na Audio Rebel


Reduto do circuito da música e arte, a Audio Rebel, em Botafogo, abre suas portas em novembro para reunir o melhor da música do país. Mais uma edição do BacaFest apresenta, em dois dias de evento, artistas da cena atual e nomes que marcaram época. A noite de 10/11 (sexta-feira) recebe Ramos e a Massa Rock e O Branco e o Índio, enquanto em 11/11 (sábado), Língua Chula (SP) e Amarelo Manga animam o público. Os ingressos custam R$20 (cada dia) e a classificação é de 16 anos. 


O BacaFest é um evento que serve de palco para artistas, bandas, cantautores, intérpretes, música experimental e instrumental. O objetivo é fazer uma mistura de sons e identidades. A curadoria é do baterista Bacalhau Baca, com apoio da própria Audio Rebel, um espaço de resistência musical na Zona Sul e também de referência quando o assunto é música independente. 



Na sexta-feira (10), a banda Ramos e a Massa Rock agita a galera. Formado por Jr. Ramos (percussão e voz), Daniel Tot (bateria), Rodrigo Ferrera (baixo), Rafael Casqueira (guitarra) e Renato Ribeiro (guitarra), o grupo volta a tocar após um hiato de sete anos, resgatando canções antigas do álbum “A Fé é Nossa” (2009), com uma sonoridade cheia de influências como Jimi Hendrix e Rage Against the Machine. A participação especial é do cantor Paulo Fera Ramos. Na mesma noite, O Branco e o Índio trazem a dissonância, os arranjos perturbadores e fascinantes à Rebel. O som experimental dos guitarristas Flávio Abbes e Bruno Rezende prometem conquistar novos fãs. O baixista Roberto Souza e o baterista Pedro Serra completam a banda. 


No sábado (11) é a vez dos paulistas do Língua Chula. A banda volta aos palcos com novo show apresentando as músicas do álbum “Linguachula”, de 1995. Além das canções que marcaram a época, o grupo apresenta novas composições, com muito rock pulsante, orgânico e urbano, sem deixar de lado o groove marcante e as guitarras distorcidas. As letras vão da poesia de Augusto dos Anjos à letras fortes e urbanas tocadas com muito peso e swing. Completa o lineup o Amarelo Manga, projeto de Julio Santa Cecília e Rafael Frejat, e do baterista Gabriel Nigri e baixista Leo Lattavo. A banda vem se apresentando regularmente pelo circuito independente carioca, tocando músicas do primeiro disco, “Nuca”, e composições inéditas. 


As bandas se reúnem na casa referência da cena alternativa do Rio, a Audio Rebel. Por lá, artistas internacionais e nacionais mostram os seus trabalhos autorais, em um clima descontraído e intimista. Além disso, o espaço organiza ensaios e grava discos de cantores independentes, além de ter uma loja de instrumentos musicais e uma oficina de luthieria (confecção de instrumento de cordas). Localizado na Zona Sul, o espaço fica na Rua Visconde de Silva, 55, em Botafogo. 

Serviço
BacaFest 2017
Data: 10 e 11/11 (sexta-feira e sábado)
Horário: 20h 
Local: Audio Rebel
Endereço: R. Visconde de Silva, 55 – Botafogo – Rio de Janeiro/RJ 
Entrada: R$20 
Evento: https://www.facebook.com/events/1432472803540912/
Classificação: 16 anos 
Capacidade da casa: 90 pessoas (lotação máxima) 
Forma de pagamento: para o ingresso, apenas dinheiro; no bar, todos os cartões de crédito. Casa equipada com ar condicionado e wi-fi gratuito
Horário de funcionamento da bilheteria: todos os dias, de 13h às 21h
Alda Jesus

Sobre a autora

Alda Jesus - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário