Roberto Carlos visto por uma açoriana da ilha de São Miguel




Por: Carlos Alberto Alves
jornalistaalves@bol.com.br
Facebook
https://www.facebook.com/carlosalberto.alvessilva.9 


Chama-se Manuela Silva Silva e reside em Ribeira Grande na ilha de São Miguel, nos Açores. Ilha que, segundo ela, Roberto Carlos por lá passou em tempos idos. Aliás, também tínhamos essa ideia de que Roberto Carlos já tinha atuado naquela que é a maior ilha açoriana. 

                                                      
Nunca tive o prazer de assistir ao vivo a um concerto desse lindo e enorme ser humano. Recordo-me que Roberto Carlos esteve cá em S. Miguel e atuou no Teatro Micaelense em Ponta Delgada. Tinha eu talvez uns 9 a 10 anos. Para os meus pais nessa altura não era relevante irmos todos a um concerto por motivos óbvios, mas cresci meus queridos amigos ao som de suas lindas canções que pairavam nos nossos ávidos corações e, na ponta da nossa língua, como se diz na gíria popular, Roberto Carlos cantou, embalou, encantou toda a minha juventude, por ser quem era e continua a ser uma fonte inesgotável de amor, carinho, humildade, doçura estonteante, que nos transporta constantemente para uma dimensão toda ela envolta em promessas e desejos cumpridos. Todas suas canções parecem que nos tocam particularmente, parecem escritas para nós, muitas vezes sendo um autêntico "bálsamo" para o meu coração. Cada canção é a resposta a uma desilusão, a um desejo, a um contratempo. E nessa voz inconfundível de meiguice e ternura, parece que ele me quer dizer: TUDO VAI FICAR BEM!
Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário