Competição de dança Rio H2K Battles no domingo (18) pela TV Brasil


Decisão do festival de dança urbana Rio H2K Battles vai ao ar no domingo (18), pela TV Brasil

Dançarinos disputam os duelos em seis categorias e as finais contam com apresentações especiais dos jurados.

 
Alba Bittencourt
Portal Splish Splash


Às 22h de domingo (18), A TV Brasil exibe, com exclusividade, a Rio H2K Battles, etapa final da sétima edição do Rio H2K, considerado um dos maiores festivais de danças urbanas do mundo. O palco das disputas é a Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, espaço cultural que vai reunir grandes dançarinos em uma competição de coreografias.




A Rio H2K Battles é caracterizada pelos duelos de dança nas categorias hip hop, popping, locking, house, passinho e breaking. O campeão de cada categoria é premiado em dinheiro e recebe o título de melhor dançarino em seu estilo. Para chegar ao topo, o artista precisa passar pelas eliminatórias e as quartas de final, que ocorrem no sábado (17), entre 15h e 19h.



“É um evento somente de batalhas de dança, reunindo os oito melhores dançarinos de seis diferentes estilos. É uma novidade que vai emocionar o público com momentos de tirar o fôlego. As finais contam com apresentações especiais dos jurados”, explica Bruno Bastos.



DJS e jurados

Os três DJs serão Bruno X (hip hop, popping e locking), Andre Rockmaster (house e breaking) e Jesse Ramiro (passinho). O corpo de jurados será integrado por seis dançarinos e coreógrafos renomados do Brasil, França, Alemanha e Coreia do Sul:

Popping – Hoan (Coreia do Sul)

Locking – Flockey (Alemanha)

House – Antoinette Gomis (França)

Breaking - Junior (França)

Passinho - Kinho (Brasil)

Hip Hop - Kefton (França)

Rio H2K

 

O festival acontece entre os dias 15 e 18 de junho, na Cidade das Artes, na Barra, quando os mais importantes coreógrafos e companhias do mundo chegam ao Rio para participar de uma programação que inclui mais de 50 workshops, seis espetáculos, seis painéis e bate-papos, além de showcase, festas e a Rio H2K Battles.




Os estilos de dança

Locking. Anos 1970. Soul Train. James Brown e Funky Music. Don Campbell. “The Lockers” foi o grupo que expandiu a dança pelo mundo. Eles ficaram muito famosos na América e influenciaram todos com um estilo diferenciado de todos os outros da época.

Popping. Anos 1970. O grupo responsável pela criação dos estilos conhecidos mundialmente como popping e boogaloo são os “Electric Boogaloos”. Caracterizado por sua técnica de contração muscular unida ao “feeling” do funky. Robotting, Waving, Tutting são exemplos de danças agregadas ao popping, apesar de não terem a mesma técnica.

Hip-Hop. Anos 1980. Dança desenvolvida em festas da cultura hip-hop, em Nova Iorque. Hip-hop dance é a utilização das danças sociais urbanas na música hip-hop com influências de danças mais antigas, como popping e locking.

House. Criado no meio da década de 1980 em festas de house music e hip-hop, nos clubes de Nova Iorque, com influências de sapateado, capoeira, salsa e outras danças e manifestações culturais, típicas dos bairros pobres norte-americanos.

Breaking. Ou b-boying, é a dança originária da cultura hip-hop, surgida em Nova Iorque e praticada, no seu início, por negros e latinos. Esta dança ganhou o mundo e consiste em quatro tipos de movimentos – claro que a criatividade de cada dançarino importa muito: toprock, downrock, power moves e freezes.

Passinho. Estilo de dança criado nos bailes de favelas do Rio de Janeiro e inspirado em passos de outros estilos musicais, como o hip-hop e o frevo.

SERVIÇO:

Rio H2K Battles

Domingo, 18 de junho, às 22h, na TV Brasil.



    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário