Bandas independentes do “Original’s Studio” fazem shows gratuitos na Casa Levi’s®


Miss Hell, Venus Café, Drenna e Comodoro são as bandas escolhidas por meio de voto popular no facebook da marca para um show na Casa Levi’s® dia 19 de abril, sexta-feira

 
Alba Bittencourt
Portal Splish Splash


São Paulo, maio de 2017 – A Levi’s® anunciou recentemente a primeira edição carioca do concurso cultural “Original’s Studio”, que recebeu inscrições de bandas independentes para concorrer a seis horas de gravação numa estrutura profissional. Oito bandas foram selecionadas, e tiveram perfis divulgados no facebook da marca para uma votação pública, com o intuito de escolher quatro para fazerem um show na Casa Levi’s® dia 19 de maio, sexta-feira, a partir das 18h. As mais votadas foram Miss Hell, Venus Café, Drenna e Comodoro, que se apresentam na mesma noite e no mesmo palco que a banda Picasso Falsos.

Miss Hell é um quarteto, nascido em 2012, com uma sonoridade agressiva, traduzida por um rock desapegado de padrões musicais; Venus Café é outro quarteto, formado em 2011, que toca essencialmente rock and roll clássico e old school; Drenna, com primeiro trabalho autoral lançado em 2010, é uma artista que está à frente da banda homônima, cantando e tocando rock com influências de Foo Fighters, Connor Questa e outros; e Comodoro, banda na estrada há cerca de um ano e meio, passeia pelo baião, xote e pop, com pitadas de rock.

O “Original’s Studio” foi criado para fomentar a música independente local, e a Casa Levi’s® é um projeto cultural da marca que ocupa uma casa em Botafogo (Rua Martins Ferreira, 22) as sextas e sábados, até o dia 20 de maio, este sábado, para o oferecimento de uma programação multicultural gratuita.

“A relação da Levi’s® com a música está em sua essência como marca, pois no decorrer de toda sua história já participou da carreira de diversos artistas. Deste modo, o ‘Original’s Studio’ surgiu como um projeto inspirado nessa essência, com a missão de fomentar a comunidade musical local, dando oportunidade a novos artistas”, afirma Marina Kadooka, gerente de marketing da Levi’s®. “A ideia de abrir espaço na programação da Casa Levi’s®, por sua vez, e mostrá-los aos nossos mais diversos públicos, é a nossa maneira de reforçar o quanto acreditamos neles. Agradecemos a todos os inscritos, é um trabalho muito difícil escolher alguns entre tantos bons”, completa.

Serviço Casa Levi’s®
Endereço: Rua Martins Ferreira, 22 - Botafogo
Capacidade: 250 pessoas
Classificação etária: livre
Entrada: gratuita; sujeita a lotação

PROGRAMAÇÃO

19 de maio, sábado
18h – Abertura da casa
18h às 22h – Shows de Miss Hell, Venus Café, Drenna e Comodoro; Encerramento de Picassos Falsos.

SOBRE AS BANDAS

Venus Café (http://bit.ly/venuscafebanda).
 

Com palhaçadas ultrajantes que incluem um figurino roubado do guarda-roupa de Steven Tyler, pulos e trejeitos emprestados de David Lee Roth e uma voz estridente apanhada do próprio Freddie Mercury, o irresponsável vocalista Dangerous Dan tem liderado o quarteto que vem há anos batalhando no circuito alternativo carioca. A conjunção de alta energia, refrões cativantes e culto sem remorso do rock clássico e old school gradualmente tem lhes valido seguidores fanáticos simplesmente no boca-a-boca. Formada em 2003 pelos primos Dan e Captain Love, a banda curtiu mais de uma década sob o adorável nome de DAKOCAGA refinando seu repertório, compondo hinos rock, gravando vídeos divertidos e, principalmente, fazendo novos amigos.

Comodoro (http://bit.ly/comodorobanda).
 

Formada há cerca de um ano e meio na Tijuca, Zona Norte do Rio, a banda nasceu a partir de uma turma de amigos apaixonados por música, passeia pelo baião, xote e pop, com pitadas de rock. O embalo é garantido pelo entusiasmo performático de seu vocalista, Fred, as guitarras de Pipe e Roberto, o trompete de Thiago, o som redondinho da bateria de Mateus e o baixo de Stella.

Drenna (http://bit.ly/drennabanda).

Drenna está a frente da banda de mesmo nome, divulgando seu segundo álbum intitulado “Verdades”.
Com mais de 70 apresentações anuais, já percorreu casas tradicionais de sua cidade (RJ), dentre elas Teatro Odisséia e o lendário Circo Voador, participou do SBS no Riocentro e do Rio Moto festival. Esteve em quase todas as regiões do país, das capitais ao interior, passando por São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Goiás, Pernambuco, Paraná, Mato Grosso, Santa Catarina e Bahia. Em seu primeiro trabalho autoral lançado em 2010 e é são criadores do projeto carioca EngajaRock.

Miss Hell (http://bit.ly/misshellbanda).
 

Em meados de 2012, quatro amigos se perguntaram onde estava a agressividade, o veneno e a transgressão do rock nacional. Essa ânsia por música os fez perceber que, melhor que questionar, era preciso colocar para fora aquela vontade de ouvir e fazer rock and roll. Foi o momento em que começou a experiência musical chamada Miss Hell. As músicas da banda evocam o verdadeiro espírito do rock que parece esquecido pelas ruas do Rio de Janeiro, com uma pegada vigorosa, distorções valvuladas e uma produção afiada.

SOBRE A LEVI’S®
Desde a sua fundação, em 1853, a Levi’s® é frequentemente vinculada à música, e já vestiu e participou ativamente da carreira de inúmeros artistas, como Elvis Presley, Tina Turner, Madonna e Bruce Springsteen. É por conta dessa proximidade, e por carregar em seu DNA o fomento à música independente, que se viu necessária a criação da Levi’s® Music, uma plataforma ativa no Brasil desde 2007 que já colaborou com artistas como Mallu Magalhães, Vanguart, Forgotten Boys, Drive, Cine, Garotas Suecas, Jennifer Lo-Fi, Copacabana Club, The River Raid, Tiê, Stellabella e Zemaria. Em 2016, promoveu a primeira edição do concurso cultural “Original’s Studio”, em que selecionou oito bandas independentes de São Paulo para gravar gratuitamente uma música em estúdio, com todo apoio e estrutura profissional.  Neste ano, o projeto segue em sua segunda edição.
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário