Festival Grito Rock traz shows de Sound Bullet, Overdrive Saravá, André Prando e outros



Alba Bittencourt
Portal Splish Splash


Chegando na cidade fluminense de Campos dos Goytacazes, o Festival Grito Rock vai trazer o melhor da música nacional em dois dias de muita sonzera e barulho. A edição ‘Goytacá’ acontece em 8 e 9 de abril e reúne cerca de 20 artistas para apresentar os respectivos trabalhos. No sábado, é a vez Sound Bullet, André Prando e Overdrive Saravá subirem ao palco para animar a galera. O evento ocorre no Sambódromo de Campos, às 16h. A entrada é gratuita.

Realizado em cerca de 200 cidades em 15 países, o Festival Grito Rock é um projeto realizado em rede, e reúne em um só lugar som, gastronomia, cerveja artesanal e gente que vive de música. Na edição ‘Goytacá’ do evento, não falta talento no line-up: tem banda do Rio de Janeiro, Goiás, Espírito Santo, Minas Gerais e, claro, talentos locais.


 Sound Bullet

Um dos destaques de sábado, a Sound Bullet apresenta um indie rock para ninguém botar defeito. O som contagiante e dançante mescla influências que vão do post-punk revival e rock alternativo ao math rock. A sonoridade marcada pelas guitarras pulsantes e energéticas faz parte do repertório dos músicos, que tocam as faixas do EP “Ninguém está Sozinho” e canções inéditas do novo álbum que sai em breve. Sound Bullet é Guilherme Gonzalez (guitarra e voz), Fred Mattos (contrabaixo e voz), Henrique Wuensch (guitarra) e Pedro Mesquita (bateria).

Overdrive Saravá
 
Diretamente de Niterói para a região de Campos, a Overdrive Saravá anima o Grito Rock com as canções do seu álbum homônimo. Formada por Gregory Combat (vocal), Lucas Botti (guitarra), Thiago Henud (guitarra), Matheus Freire (baixo) e Renan Carriço (bateria), a banda faz uma mistura inusitada de gêneros como o rock, xote, baião e até o funk com elementos de performance teatral nas canções. O trabalho se utiliza de temas do folclore e da cultura popular com um discurso atual sobre direitos humanos, combate ao racismo e visibilidade LGBT.

 André Prando

Ganhando cada vez mais espaço no cenário brasileiro, o cantor André Prando mostra no Grito Rock a sua originalidade. O projeto solo do capixaba explora diferentes vertentes musicais, expressa sua identidade através de letras com forte cunho poético e estimulam a racionalidade e sensibilidade. A performance pode ser ouvida no álbum “Estranho Sutil”, lançado em abril de 2015. O disco flerta com a psicodelia setentista e foi destaque em vários meios de comunicação como um dos melhores lançamentos.

Ainda sobem ao palco no mesmo dia (08/04), Anesthesia of Beer, Ativittá Power Trio, Atalanta, Bender, Purano Rock, Riders Machine, Superego e Tubarão Martelo. No domingo (09/04), fecha o festival Coletivo Sociedade Livre, Eixo Nacional, Distrito Zero, Favela Groove, James Coroico, Masserao Benedito, Psychobreak, Shallrise e Psa.

O Festival Grito Rock acontece no Sambódromo de Campos dos Goytacazes, que fica na Avenida Alberto Lamego. A classificação é livre.

SERVIÇOS
Grito Rock Goytacá
Data: 8 e 9 de abril (sábado e domingo)
Horário: 16h
Local: CEPOP – Sambódromo de Campos
Endereço: Avenida Alberto Lamego - Campos dos Goytacazes/RJ
Evento: https://www.facebook.com/events/771980749623160/
Entrada: gratuita
Classificação etária: livre
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário