Livro de Max Lucado com meio milhão de exemplares vendidos ganha nova edição


Dias melhores virão, título de Max Lucado mais vendido na Thomas Nelson Brasil, ganha em 2017 a terceira edição, totalmente atualizada

 
Alba Bittencourt
Portal Splish Splash

 
A obra, que ultrapassou a marca de 500 mil cópias vendidas desde seu lançamento, em abril de 2007, aborda uma temática com grande apelo em todas as épocas, especialmente em situações de crise: a esperança de um futuro melhor.

Max Lucado é um dos autores cristãos mais populares da atualidade, com mais de 125 milhões de livros vendidos em todo o mundo. Só no Brasil, foram comercializados 3,2 milhões de exemplares de sua autoria pela Thomas Nelson Brasil. As 70 obras já publicadas pelo autor tratam de conflitos comuns do dia a dia das pessoas de forma simples e acessível. A abordagem intimista e descomplicada de temas tão importantes faz dele um grande sucesso entre os leitores e um dos maiores nomes do mercado editorial.

Sobre a obra:

Quando perdemos o emprego, nosso casamento termina ou enfrentamos a morte de entes queridos, é normal procurar por respostas. Por que Deus permitiu que isso acontecesse? Como ele pode fazer surgir algo bom desta tristeza? Como acreditar em Deus em meio a tanto sofrimento?

Max Lucado trata de perguntas assim em Dias melhores virão. Passeando pelos relatos bíblicos da vida de José, Moisés e Davi, Lucado recolhe evidências de que Deus não recua diante de nossos problemas. Mesmo quando somos feridos, Deus se faz presente, sempre ao nosso lado, sempre no controle. Quando caminhamos com ele, temos a garantia de dias melhores.

Ficha técnica:
Dias Melhores Virão - Max Lucado
Thomas Nelson Brasil
ISBN: 8560303367
Formato: 14x21 cm
Páginas: 128
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário