AOS SÁBADOS – Conversas ao telefone com “Zé da Pipa”


Por: Carlos Alberto Alves
jornalistaalves@bol.com.br
Facebook
https://www.facebook.com/carlosalberto.alvessilva.9
Já liguei três vezes e nada. Comprei um celular do mais sofisticado que há e o gajo ainda não aprendeu a usar a máquina. Nem o Roberto tem um aparelho tão bom. Nem o Roberto nem o outro que a gente conhece e que já disse que não gosta muito de usar o celular.  Será desta vez que ele atende? Alô, “Zé” estás por aí?
“Zé da Pipa” – Não sejas chato estava numa de necessidade fisiológica...
Depende do que seja essa necessidade. Tripa ou no trica-trica...
“Zé da Pipa” – Claro que tripa. Quando estou no trica-trica desligo o celular. Não gosto de ser interrompido quando estou a caminho da Lua...
Eu te entendo, já sei que agora nem com celular sofisticado consegues notícias do Roberto...
“Zé da Pipa” – És outro do carago, exigente.  Vocês os dois andaram na mesma escola, melhor dizendo,  estudaram na mesma cartilha...
Estou a ver que tenho que pedir ao outro lá de São Paulo para acampar um mês na Urca e te mandar de férias...
“Zé da Pipa” – Pelo que já li,  esse gajo tem muitas histórias com o Roberto. Eu acredito que sim.
Mas, na verdade, ainda não apareceu nada que fale de mulheres...
“Zé da Pipa” – Ele pode falar que são assuntos do passado...
Estou deveras preocupado. Pouco ou nada se sabe do Roberto. E levanta-se um padeiro á meia-noite para coser pão para este “Zé”. Será que tens que mudar de pipa?
“Zé da Pipa” – Sabes que já pensei nisso. Usar uma pipa de cor azul com uma mulher nua estampada. Talvez o Roberto aparecesse mais vezes na sacada do seu prédio...
Deixa disso. O Roberto só tem coisa boa. E se juntássemos todas as que o pretendem, tínhamos uma bicha, perdão, uma fila que chegava da Urca até ao Aterro do Flamengo.
“Zé da Pipa” – Olha como tu estás bem informado, até dizem que tu e o outro que coleciona “borboletas” são especialistas nessas medições...
Mais uma bobagem tua. Nós acompanhamos o que, no facebook, elas dizem em relação ao rei. Meu amor, meu querido e assim sucessivamente...
“Zé da Pipa” – Dorme tranquilo que vou saber muita coisa para esta semana...
Ou sabes ou serás despido, perdão, despedido... Despido andas tu todas as noite aí na Urca.
“Zé da Pipa” – São mais as vozes do que as nozes...

Carlos Alberto Alves

Sobre o autor

Carlos Alberto Alves - Jornalista há mais de 50 anos com crónicas e reportagens na comunicação social desportiva e generalista. Redator do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Colabora semanalmente no programa Rádio Face, da Rádio Ratel, dos Açores. Leia Mais sobre o autor...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário