Adriana Calcanhotto regressa a Portugal com concertos em Lisboa, Porto e Coimbra

Adriana Calcanhotto-Foto: Arquivo JN

Adriana Calcanhotto regressa a Portugal

A compositora brasileira Adriana Calcanhotto regressa a Portugal no início de fevereiro com concertos em Lisboa, Porto e Coimbra, cidade onde vai estar em residência artística até junho.

A cantora vai atuar no grande auditório da Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, a 3 de fevereiro, no Teatro Académico de Gil Vicente, em Coimbra, a 4 de fevereiro, e, no dia seguinte, vai ao Porto para tocar na Casa da Música.

Os espetáculos contam com a participação na viola do compositor e escritor de literatura infantil Arthur Nestrovski.

A digressão de Adriana Calcanhotto surge depois de ser lançado o seu novo single "Não Demora".



Também em fevereiro, a artista brasileira inicia a sua residência artística na Universidade de Coimbra (UC), que se prolonga até junho.

Adriana Calcanhotto, que é embaixadora da UC no Brasil, vai escrever um livro para crianças sobre a mais antiga universidade de Portugal e "desenvolver um plano de atividades intenso" na Faculdade de Letras, informou a instituição em novembro do ano passado.

De acordo com a UC, durante cinco meses, a compositora natural de Porto Alegre propõe-se a dinamizar ateliês sobre escrita e produção artística, palestras, exposições e a dar aulas abertas em articulação com as áreas de Português e de Estudos Artísticos.

Na altura do anúncio, o coordenador do Instituto de Estudos Brasileiros, Osvaldo Manuel Silvestre, destacou o "perfil raro" de Adriana Calcanhotto, que "tanto devora o legado de Caetano Veloso como a poesia de Mário de Sá-Carneiro ou a prática performativa de Hélio Oiticica, sem esquecer o vasto acervo da música popular brasileira, de Dorival Caymmi à bossa nova e a Roberto Carlos".

Adriana Calcanhotto lançou o seu primeiro álbum, "Enguiço", em 1990, abordando nos mais de 20 anos de carreira diversos estilos musicais como o samba, bossa nova, música popular brasileira ou a pop.



O último trabalho, "Loucura", lançado em 2015, é um álbum gravado ao vivo, em que a cantora interpreta temas do cantor gaúcho Lupicínio Rodrigues, que compôs várias marchas de carnaval e sambas-canção, entre os anos 1930 e os anos 1970.

In jn
http://www.jn.pt/artes/interior/adriana-calcanhotto-regressa-a-portugal-5602266.html
------------------------------------------------------------------------------------------------------


Adriana Calcanhotto canta Lupicínio Rodrigues

Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário