Índios protestam contra propostas do Governo do Brasil


Dezenas de índios brasileiros armados com arcos e flechas bloquearam hoje a entrada do Palácio do Planalto, em Brasília, para protestar contra algumas medidas estudadas pelo Governo do Presidente do Brasil, Michel Temer.

Diário Digital com Lusa

Os índios ficaram parados e exigiram um encontro com autoridades para entregar um documento com as suas exigências.

O protesto ocorreu sem incidentes, apesar de os índios, pertencentes a diversas tribos, impedirem tanto a entrada como a saída pela porta principal do Palácio no Planalto. A movimentação, porém, foi permitida depois por acessos laterais.

Segundo informações da Efe, no documento que queriam entregar ao Governo brasileiro, os manifestantes criticam, entre outras coisas, uma polémica lei em discussão no Congresso do país cujo objetivo central é limitar os gastos públicos. Além disso, exigem orçamentos maiores para as reservas indígenas do país.

Os índios também querem uma maior rapidez no processo de demarcação de terras e protestaram pela insegurança nas reservas, que são alvos de vários conflitos de posse.
No documento reitera-se a rejeição a um projeto de lei que pretende alterar normas para demarcação de terras indígenas.

Até agora é da responsabilidade da Fundação Nacional do Índio (Funai) demarcar as terras indígenas, mas a nova lei prevê que este papel seja transferido para o Congresso, no qual há muitos parlamentares que representam os interesses do agronegócio.

A proposta está no Congresso há anos, tendo agora mais hipóteses de ser aprovada, já que conta com o apoio da base aliada do Presidente Michel Temer, que pretende acelerar as discussões sobre o assunto para que o projeto seja aprovado até 2017.

In diariodigital

http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=851644

 
Alba Maria Fraga Bittencourt

Sobre a autora

Alba Bittencourt - Doutorada em Robertologia Aplica e Ciências Afins. Redatora do Portal Splish Splash e Administradora/Redatora do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre a autora...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário