Estava longe do nosso pensamento




Por: Carlos Alberto Alves
jornalistaalves@bol.com.br
Facebook
https://www.facebook.com/carlosalberto.alvessilva.9
No ano de 2000, e naquela que foi a nossa última viagem aos Estados Unidos no que concerne a reportagens, fizemos a cobertura da Maratona de NY, acompanhando o atleta terceirense Jorge Monjardino, que anteriormente já havia participado na competição, tendo, desta vez, se cotado como o melhor atleta português em termos classificativos.
Uma das torres do Orld Trade Center que caíram em 11-09-2001
Eu e o Jorge Monjardino, conforme já referi em outros artigos escritos, contamos com o grande apoio do Luís Henrique Pimpão e do Paulo Fonseca, falecido há pouco tempo.
Retornando à Maratona de NY, sempre com grande participação de atletas de vários países, nunca passou pela cabeça de ninguém que acontecesse algum ato de terrorismo. No dia anterior à prova, o encontro da amizade entre todos, com uma marcha lenta que saiu em frente do edifício das Nações Unidas, ocorreu sem qualquer problema. Uma manifestação pacifica e de transbordante alegria entre vários povos e etnias. Claro que, passado algum tempo, o pior estava para vir, com os americanos a sofrerem um rude golpe no 11 de setembro de 2001, com o ataque terrorista às torres gémeas e à Casa Branca. Um triste acontecimento que ceifou um assustador número de vidas.
E como tudo isto já não bastasse,  alguns anos volvidos foi a vez de, na Maratona de Boston, a mais antiga competição pedestre, acontecer mais um ataque de autêntico terrorismo, matando pessoas e ferindo um elevado número, quer de participantes quer de espectadores que se encontravam perto do local de onde rebentaram as bombas sinistras, deixando em polvorosa a organização, atletas e espectadores. É caso para se perguntar: e que mais vai acontecer aos norte-americanos? Que responda o recém-eleito presidente. Ele se identifica com uma linha dura.
                                                                                
Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário