Respondam ao Rei Roberto Carlos enquanto ele compõe e canta! Estão à espera de quê?




 


Por: Armindo Guimarães
Doutorado em Robertologia Aplicada e Ciências Afins
Facebook
https://www.facebook.com/armindo.guimaraes


O jornalista e autor de novelas, Aguinaldo Silva, no seu recente artigo intitulado “UM REI BRASILEIRO EM PORTUGAL”, começa por dizer: "Sinto que não homenageamos Roberto Carlos como ele merece, e devíamos fazê-lo enquanto ele compõe e canta."

Aguinaldo Silva, que na altura estava em Portugal em serviço, pronto a regressar ao Brasil, apercebeu-se da grandeza do Rei em terras lusas, do carinho com que é recebido e dos outdoors que via em toda a parte anunciando a chegada do Rei, qual D. Sebastião “O Desejado” que os portugueses esperam que volte um dia.


O “recado” de Aguinaldo é para o Brasil, mas há muito que “recado” idêntico tento transmitir, não para o Brasil em particular mas sim para todos os países de Língua Oficial Portuguesa, de que é exemplo o artigo que em 26-10-2010 levei à estampa sob o título “Roberto Carlos – Embaixador da Língua Portuguesa”, no qual recordo que ao longo dos seus 55 anos de carreira, o cantor/compositor Roberto Carlos Braga fez chegar a sua obra aos quatro cantos do mundo e com ela a Língua Portuguesa, de tal forma que muitos são aqueles de várias nacionalidades que se me têm dirigido dizendo que através dele conheceram Camões, Pessoa, Eça, Vinícius, Assis, Drummond e outros “dinossauros” da língua lusa. Isso acontece em países tais como a Argentina, Peru, Venezuela, México, Itália, Espanha, Rússia, Japão, Estados Unidos e outros países onde Roberto Carlos há muito leva a sua música e as suas letras, quais poemas à sua língua mater.

Sabendo-se que em 2005, o então Presidente da República Portuguesa, Dr. Jorge Sampaio, condecorou com a Ordem da Liberdade a banda de rock irlandesa U2, pelo seu empenhamento ao longo dos anos em prol de causas humanitárias, do que estão à espera a Presidência Portuguesa e as instituições lusófonas relativamente a quem, parafraseando o Poeta, se mais mundo houvera lá chegara, levando não só a língua lusa, mas também mensagens de paz, de amor e gritos de alerta sobre o meio ambiente, de que é exemplo, “O Astronauta”, “O progresso”, “Panorama Ecológico”, “O Ano Passado”, “Águia Dourada”, “As Baleias”, “Amazónia”?

Pese embora Roberto Carlos não espere de ninguém resposta sobre o quanto tem dado à língua portuguesa, milhares, senão mesmo milhões, esperam que lhe respondam “enquanto ele compõe e canta”, como muito bem disse Aguinaldo Silva.

Estão à espera, de quê?

Um rei brasileiro em Portugal - Aguinaldo Silva
Portal Clube do Rei
http://www.clubedorei.com.br/articles/detail.asp?iData=1201&iCat=823&iChannel=2&nChannel=Articles

Roberto Carlos – Embaixador da Língua Portuguesa - Armindo Guimarães
Portal Splish Splash
http://www.portalsplishsplash.com/2010/10/roberto-carlos-braga-embaixador-da.html
Portal Clube do Rei
http://www.clubedorei.com.br/Articles/detail.asp?iData=806&iCat=823&iChannel=2&nChannel=Articles
Armindo Guimarães

Sobre o autor

Armindo Guimarães - Doutorado em Robertologia Aplicada e Ciências Afins e Escriva das coisas da Vida e da Alma. Administrador, Editor e Redator do Portal Splish Splash e do site oficial da Confraria Cultural Brasil-Portugal. Leia Mais sobre o autor...

Compartilhar Google Plus
    Deixe o seu comentário

0 comentários :

Enviar um comentário